Como lidar com a descrença do próprio poder

Você pode ter passado por situações fantásticas e que te deixaram de queixo caído. Situações que você não consegue acreditar, em que você se superou incrivelmente. Ainda assim, algo pode te incomodar. É a descrença em si mesmo. Você quer realmente acreditar, se sentiu atraído pelo oculto por toda sua vida, pode até ter feito feitiços de sucesso, mas mesmo assim não consegue acreditar na própria capacidade.

Você teme que sua prática não funcione? Você tem medo de que dê errado? Tem medo que ele se vire contra você? O medo é algo que te aprisiona. A primeira pergunta que você tem que fazer é: por que você quer se envolver com o oculto?

Se você realmente só quer lançar feitiços e obter o que quiser, realmente eu entendo seu medo. Mas se você realmente procura um caminho mais complexo, pergunte-se o que de fato te motiva. Se você sabe que é inevitável, pois seu coração nunca vai parar de te chamar, então por que duvidar de si mesmo?

Entenda, é importante sempre questionar as próprias habilidades, mas por que isso importa? Você será irá correr para isso de qualquer forma! Você nunca poderá deixar de ser quem você é, se isso for sua Verdadeira Vontade, mesmo que deixe de praticar magia, pois isso corre no seu sangue.

Acalme o Galvão Bueno

Peter Carroll, em Liber Null e Psiconauta, fala a respeito do Censor Psíquico. Aqui, chamamos essa vozinha chata que fica na nossa cabeça de Galvão Bueno. Você precisa acalmar essa voz mental azeda que implica com suas práticas, a mesma voz que diz que você não é real, que você é uma farsa,  que tudo é uma ilusão da sua cabeça.

Aprenda a chamar sua criança interior e ouvir aquela voz que diz que você é especial, que você é mágico, que você é de fato um mago. Se você precisa resgatar essa infância interior, se você se sente muito engessado ou amarrado na sua prática, recomendo o livro Mágicka Visual, de Jan Fries. Este livro contém técnicas importantes e interessantes para você.

Registre tudo

Você só vai saber em que prosperou e em que fracassou se mantiver notas, se você consultar sua experiência.

Tenha registros dos espíritos com quem você conversou e do trabalho energético que realizou. Veja que o caminho para o oculto é muito mais experimental e prático que teórico. Exige, portanto, muito esforço.

Tente transformar sua ansiedade em algo produtivo. Por isso muitas vezes é bom esquecer seu intento. Se você quiser ver os resultados de um determinado exercício, em algum momento você tem que praticar.

Escolha livros práticos

É por isso que é importante não apenas se focar na leitura, mas também na prática. Livros com exercícios e que estimulam você são os mais adequados neste caso.

Sentir energia, ser capaz de fazer um bom trabalho energético e melhorar suas habilidades psíquicas e intuição requer prática.

Levei meses para poder sentir e controlar a energia, com prática regular.

Se tudo que você acredita sobre bruxaria é verdade, vale a pena continuar tentando mesmo que você duvide de seus resultados? Vale a pena praticar e crescer até encontrar sua Conexão?

Se assim for, você pode fazê-lo. Basta ter um pouco de fé e tomar muitas notas e consultá-las sempre, buscando melhorar e se adapatar cada vez mais mais.