Feitiços de Invisibilidade Funcionam de Verdade?


Todo fã de história em quadrinhos já pensou nessa pergunta em algum momento: se você pudesse ter um superpoder, qual você escolheria? A maioria das pessoas escolhe os poderes mais exagerados, como, por exemplo, Imortalidade. Na sequência costumam vir os poderes do super-herói da moda no momento – em tempos de filme de Wolverine, todo mundo quer ter fator de cura. Mas alguns estão sempre bem cotados – nunca em primeiro lugar, mas também nunca esquecidos. E como a curiosidade do ser humano é uma desgraça, a Invisibilidade costuma estar nesse meio do caminho.

E não foi só com o século XX e a chegada dos super-heróis ao imaginário popular que a invisibilidade se tornou um desejo de muitos. Há milênios, magos – que não deixam de ser uma espécie de super-heróis – de todo o mundo vêm explorando formas de conseguir este poder tão… interessante. E por mais inacreditável que pareça, os feitiços de invisibilidade funcionam. É, sim, possível ficar invisível. Só não é do jeito que você está pensando.

Não é Feitiçaria, é Tecnologia!

Tecnologia de Invisibilidade

Como dizia Arthur C. Clarke, “qualquer tecnologia suficientemente avançada é indistinguível de magia”. Desde a época dos faraós, truques com fumaça e espelhos são usados por “magos” e “sacerdotes” para ocultar alguma coisa na frente de uma platéia.

E a ciência está, a passos lentos, desenvolvendo tecnologias mais sérias de invisibilidade. O que vemos nos filmes de ficção científica ainda está bem longe de acontecer, mas já temos algumas tecnologias que conferem um certo tipo de invisibilidade. Há décadas faz-se aviões invisíveis a radares e submarinos nucleares indetectáveis por sonares. Mas sejamos francos – isso não tem a ver com invisibilidade, na verdade. Tem a ver com radiação eletromagnética e som.

Mas a invisibilidade real, óptica, também já existe. Pesquisadores da University of Rochester desenvolveram um dispositivo que pode tornar coisas invisíveis. O problema é que, por enquanto, ele ainda é trambolhudo demais. Falta um bocado de pesquisa até chegarmos ao nível do Predador.

Os Verdadeiros Feitiços de Invisibilidade

Assim como as abordagens científicas, a invisibilidade mágica não é milagrosa, como você pode estar imaginando. A grande malandragem dos feitiços de invisibilidade é que eles não afetam a composição física da matéria, nem suas propriedades ópticas. Eles afetam uma coisa muito mais fácil de se modificar: a percepção subjetiva que as outras pessoas têm de você.

Isso quer dizer que, se você fizer um feitiço de invisibilidade (bem feito, é claro), não vai ficar transparente, translúcido. Ainda vai se ver no espelho. Ainda vai aparecer se tirar uma selfie. Se tiver a péssima ideia de roubar uma loja de conveniência, ainda vai aparecer nas câmeras de segurança.

O que os feitiços de invisibilidade conseguem é fazer com que os outros não te deem muita importância. É uma invisibilidade subjetiva, e faz apenas com que você não seja percebido. Pode não parecer tão empolgante quanto ficar total, completa e irrestritamente transparente para todos os efeitos. Mas não é tão inútil quanto parece.

Os Feitiços de Invisibilidade Não São Inúteis

Mesmo não sendo tão incríveis quanto você poderia achar, esses feitiços de invisibilidade têm aplicações práticas. Aqui vai uma lista de situações em que você pode aplicar estes feitiços:

  • Quando você precisa ir em um evento social (exs.: festa da firma, natal em família) mas não quer que ninguém te dê muita bola;
  • Quando você sabe que vai chegar atrasado em algum lugar (ex.: aula), mas não quer ser esculhambado ou repreendido por isso (ex.: professor grosseirão);
  • Quando você quer ir em um lugar que aquela pessoa inconveniente frequenta, mas não quer ser incomodado por ela;
  • Quando você fez algo errado e não quer que ninguém perceba;
  • Quando você ainda não fez algo errado, mas quer fazer;
  • Quando você quer passar incólume por vendedores de assinatura de revista, membros de ONGs querendo suas doações, etc.;
  • Quando você está passando por uma rua escura, num bairro barra pesada, no meio da madrugada, mas, por incrível que pareça, ainda quer chegar vivo em casa.

Deu para pegar a ideia principal, não é?

Feitiços de Invisibilidade, Ontem e Hoje

Invisibilidade na Antiguidade

Um dos mais antigos entre estes feitiços de que se tem notícia está escrito em um papiro em grego, de cerca de 300 D.C. O feitiço pede o auxílio de Assesouo para “enfraquecer os olhos de todos os homens e mulheres”. Repare que não há aqui nenhuma tentativa de alcançar uma invisibilidade objetiva.

O mais famoso

Talvez o mais popular e bem detalhado feitiço de invisibilidade esteja contido na Clavícula de Salomão. Ele envolve um apelo a Almiras, o uso de caracteres sagrados, e a elaboração de uma figura de cera, que deve ser enterrada em um certo local e desenterrada quando os poderes se fizerem necessários.

Repare aqui que tanto o feitiço grego quanto o da Clavícula de Salomão recorrem a poderes externos para alcançar seus objetivos.

   compre aqui a clavícula de salomão

Na ficção

Por outro lado, na ficção, os feitiços de invisibilidade estão frequentemente ligados a objetos mágicos: o Tarnhelm, de O Anel do Nibelungo de Richard Wagner; O Um Anel de O Senhor dos Anéis; o manto da invisibilidade de Harry Potter.

Um questionamento polêmico: até que ponto o uso de uniformes, hijabs e outras peças mundanas de roupa que causam indiferenciação podem acionar uma forma limitada de invisibilidade?

Uma abordagem mais contemporânea

O mais moderno Liber Null e Psiconauta, de Peter J. Carroll, define a invisibilidade não como um efeito de entidade externa ou de um item mágico, mas como uma habilidade psíquica:

Um dos testes clássicos de habilidade psíquica é o poder de projetar uma aura de invisibilidade subjetiva ao redor de si. Isso não envolve qualquer alteração de propriedades ópticas, mas pessoas ao redor de alguma forma são impedidas de perceber sua presença.

 

Peter J. Carroll – Liber Null e Psiconauta, p. 111

Você já fez alguma experiência com esse tipo de manipulação? Se já, compartilhe sua experiência nos comentários!

   compre liber null e psiconauta na penumbra saraiva cultura amazon martins fontes

Feitiços de Invisibilidade Funcionam de Verdade?